segunda-feira, 12 de janeiro de 2009


Quero ver o sol atrás do muro
Quero um refúgio que seja seguro
Uma nuvem branca sem pó, nem
fumaça
Quero um mundo feito sem porta ou
vidraça
Quero uma estrada que leve à verdade
Quero a floresta em lugar da cidade
Uma estrela pura de ar respirável
Quero um lago limpo de água potável

Quero voar de mãos dadas com você
Ganhar o espaço em bolhas de sabão
Escorregar pelas cachoeiras
Pintar o mundo de arco-íris

Quero rodar nas asas do girassol
Fazer cristais com gotas de orvalho
Cobrir de flores campos de aço
Beijar de leve a face da lua

Letra: Tomas Roth
Imagem: Ialê Cardoso

Um comentário:

Cássio disse...

Faltou referência a música, qual o nome? Quem é o compositor? Quem canta?
Adoraria ouví-la novamente...
Essa música está sendo usada numa propaganda de um banco e deveria voltar às rádios.